Raimundos e Dead Fish juntos pela primeira vez em Campinas!

Na próxima sexta-feira (22/05) a banda Raimundos trás para Campinas/SP a turnê de seu novo disco, “Cantigas de Roda” lançado 2014, a banda também comemora seus 20 anos de estrada e promete um repertório repleto de clássicos e hits, escolhidos por votação popular no site da banda, e que marcaram a trajetória do grupo Brasiliense.

“Nosso novo show é uma tentativa de contar essa história, são vinte anos de rock, uma dezena de discos, reggae, ska, forró, HC, pauleira, baladas, escolhidas a dedo pra galera pular muito e cantar junto, soltar os bichos. Festa do rock, pra quem aprecia e pra quem quer conhecer. Uma coisa é certa, difícil é ficar parado!”. (Canisso – Baixo)

promoA apresentação também conta com a participação especial da banda capixaba Dead Fish, um dos mais importantes nomes da cena hardcore nacional e recentemente uma das principais atrações do tradicional Festival Autorock que aconteceu no final do ano passado na Concha Acústica do Taquaral. A banda apresenta o repertório de seu novo disco “Vitória”.

Serviço:
Data: 22 de maio (sexta-feira)
Horário: 21h abertura da casa / 23h Dead Fish / 0h45 Raimundos
Local: Prime Hall: Endereço: Rua Manoel dos Santos, 500 – Bairro Santa Cândida – Campinas – SP

Informações: (19) 3256-2373

Good Coffee!

Sábado acontece a “União Tour” com as bandas Plastic Fire (RJ) e Menores Atos (RJ)

Neste sábado, 05/07, acontece no Quintal do Gordo a edição campineira da “União Tour” (que já rodou por Santos, Várzea Paulista, Salto, Porto Ferreira e Valinhos) que apresenta pela primeira vez na cidade o show da banda carioca Plastic Fire, lançando seu novo disco “CidadeVelozCidade“.

Se apresentam também no evento (a também carioca) Menores Atos e as bandas locais e do interior: RagaRCannon Of HateBOX-47 e Holiday Nice.

Para maiores informações sobre valores e horários click aqui!

plastic

Good Coffee!

Ratos de Porão em Vinhedo neste Sábado (Entrevistamos Jão)

Sábado (26/04) o Ratos de Porão, uma das maiores e mais importantes bandas do punk/hardcore/crossover nacional (e mundial), se apresenta no Bar do Boris em Vinhedo/SP. O show que conta ainda com a participação da banda Os Valetes está previsto para ter inicio as 22:00 horas. (Maiores informações aqui)

Aproveitando a passagem da banda pela região batemos um breve papo com Jão, guitarrista e fundador da banda, que nos falou um pouco sobre o lançamento do novo disco, “Século Sinistro”, entre outras coisas. Confira!

ratos de porão

O Ratos de Porão já se apresentou anteriormente em Vinhedo? Qual a expectativa de vocês e o que podemos esperar do repertório do show deste sábado?

Cara, eu não me lembro de ter tocado na cidade de Vinhedo anteriormente, sei que já toquei muito na região, Campinas, Jundiaí, etc. A expectativa é sempre que os amigos compareçam e se divirtam, o repertório é o que temos tocado ultimamente, um catado de todos os discos e de repente uma música nova.

Há alguns dias a banda disponibilizou “Viciado Digital” faixa inédita que estará presente no próximo disco, “Século Sinistro”. Conte como foi o processo de gravação, onde foi produzido e quem mais participou desse novo trabalho?

Nós gravamos o “Século Sinistro” no estúdio Family Mob aqui em São Paulo e o processo de gravação foi da forma que sempre gostamos de fazer, gravação analógica, e a produção foi nossa com o André Kbelo do Mob, teve a participação especialíssima do Moyses Kolezne do Kriziun.


Quando está previsto o lançamento do novo disco? Em que formatos ele estará disponível?

Sairá entre fim de Maio, começo de Junho, vai sair em CD e Vinil.

Há planos para uma turnê internacional de divulgação do novo trabalho ainda esse ano?

No momento não.

Recentemente a banda realizou alguns shows com a formação clássica que gravou o disco “Crucificados Pelo Sistema”.  Fale um pouco como foi essa reunião. Há planos para um registro ao vivo em CD ou DVD?

Foi muito legal juntar aquela formação de novo, até porque foi uma formação que durou muito pouco, fez poucos shows na época e gravou um disco muito relevante na discografia da banda, pensamos em fazer um DVD contando a história desse disco.

Qual foi para você o momento mais marcante nesses 30 anos de Ratos de Porão?

Em 30 e tantos anos é difícil falar de um momento marcante, acho que o mais marcante é ainda existir depois de tanto tempo.

E qual foi a maior roubada?

Ah mano aí já foram várias, (risos)… Talvez existir durante tanto tempo seja uma delas (risos).

Ratos de Porão em 1986 (Jão)

Ratos de Porão em 1986 (Jão)

Além do Ratos de Porão você também participa da banda Periferia S.A. ao lado do Jabá (ex. baixista do Ratos de Porão). Fale um pouco desse projeto, shows, discos, novidades. Em que pé anda a banda?

O Periferia S.A. sempre teve muitos altos e baixos, apesar de estar completando 10 anos, ficou quase 5 parado, agora estamos lançando disco novo “Fé + Fé = Fezes” em breve nas piores lojas e estamos fazendo uns shows por aí, temos baterista novo também, o Dru, que substituiu o Joselito que gravou esse CD que está pra sair.

Quais bandas e discos você tem escutado atualmente que poderia nos recomendar? Alguma banda aqui do interior que poderia citar?

Cara, eu escuto muita coisa velha dos anos 60 e 70, mas até aí é gosto pessoal, agora bandas underground eu sempre escuto coisas novas de todo o Brasil, seja através de bandas que abrem shows que eu toco, demos que eu ganho por aí ou gente que pede pra eu escutar através do Facebook e uma coisa é certa, o Brasil está repleto de bandas boas de todos os estilos, do punk/hardcore ao metal, recentemente coproduzi uma banda chamada “Serra Leoa” de Ribeirão Preto, ótima banda, recomendo ouvir a banda “Trassas”, que pertence a minha esposa e já existe a quase 15 anos, e que eu toco guitarra a 2 anos.

Espaço para falar você o que quiser!

Vocês de Vinhedo e região, compareçam no show de amanhã ou fiquem em casa assistindo Zorra Total.

cartaz

Good Coffee!

Banda AQUëLES! disponibiliza novo disco para download

Na última segunda-feira (23/12) a banda campineira AQUëLES! disponibilizou para download seu novo disco “Um Dedinho de Prosa. Dois Dedinhos no Cu“.

O Disco produzido por Luiz Felipe Moura  (guitarrista da banda campineira Thriven) conta com 18 faixas inéditas e uma faixa bônus (SEQUëLA!) produzida e mixada por Pedro De Conti.  A arte da capa foi assinada por Daniel “Ete” Giometti, artista plástico e baixista da lendária banda campineira Os Muzzarelas.

Confira aqui na integra!

AQUëLES - Um dedinho de prosa, dois dedinhos no cu

Good Coffee!

Leptospirose lança videoclipe “Hypertensive Prays”

A banda bragantina Leptospirose lançou essa semana o videoclipe da música “Hypertensive Prays” retirada de seu novo álbum “Tatuagem de Coqueiro”.

O vídeo dirigido e animado por Vini Silva está disponível na pagina Porcarias Filme no Youtube. Confira aqui!

leptospirose

Good Coffee!

Infecção Raivosa disponibiliza álbum na integra via Youtube

A banda paulista Infecção Raivosa disponibilizou na integra via Youtube seu segundo álbum: “Sem Fraqueza, Sem Piedade” de 2012. Confira!

ir

 

Good Coffee!

Ação Direta comemora 25 anos de banda em São Caetano do Sul

Dia 11/05 (Sexta-Feira) a Cidadão do Mundo apresenta em São Caetano do Sul/SP o show de comemoração dos 25 anos da banda paulista Ação Direta com entrada franca.

Good Coffee!

Merda em Campinas (Entrevistamos Fábio Mozine)

Nessa quinta feira (01/12) tem início a sexta edição do Festival Autorock realizado anualmente na cidade de Campinas/SP.

Para abrir com chave de ouro a primeira noite do festival a ChopSuey Discos e o Bar do Zé apresentam a banda capixaba Merda. Formada por integrantes de bandas como Mukeka di Rato, Zémaria, Morto Pela Escola, The Barlfly Surfers e Os Pedrero a banda apresenta nesse tão esperado show músicas de seu novo EP “Ganguinha do Merda”.

Conversamos  com Fábio Mozine, guitarrista e vocalista, que nos contou um pouco sobre o lançamento do novo EP, tours e planos do Merda e da Laja Records para 2012. Confira!

Essa é a primeira apresentação do Merda em Campinas, certo? Qual a expectativa de vocês para o show dessa quinta feira?

Que eu me lembre é a primeira vez sim, é que temos tantas bandas e já tocamos em Campinas tantas vezes que estou confuso. O show do Merda costuma ser divertido e bem ruim, mas vamos nos esforçar pra tentar fazer esse ser bem divertido e bem tocadinho, o que pode ser muito difícil. O Merda é uma banda que sempre tem em sua formação brothers que estão tocando ali porque gostam muito e estão a fim de fazer isso. Acho que isso é facilmente percebido pela multidão, o que geralmente os fazem relevar a “horripilancia” da banda e curtir.

Por onde mais a banda ira passar durante essa turnê de dezembro?

Dia 29/12 Studio SP (SP), 01/12 Campinas (SP), 02/12 Jundiaí (SP), 03/12 Hangar 110 (SP) e 04/12 Santos (SP).

Vocês acabaram de lançar um ótimo split juntamente com a banda ”Morto Pela Escola”, conte um pouco como surgiu a idéia dessa “Ganguinha do Merda”?

Desde muito tempo a gente tinha essa idéia de fazer umas músicas com nome de pessoas, falando bem ou mal de alguém, e algumas idéias soltas existiam. Acabou que a gente juntou algumas delas e gravamos esse EP. As pessoas escolhidas foram tipo, meio, DADA(ísta) total, não tem nexo, lógica, senso, nada.

Quem mais você poderia incluir nessa “ganguinha”?

Tanta gente safada e legal que gostamos e/ou odiamos, daria pra fazer um LP triplo. Faltou o Lula.

Você é o responsável pela composição de todas as letras e músicas da banda? Como é esse processo de criação?

No caso do “Ganguinha” eu fiz tudo porque o Japonês estava em SP e não gravou esse disco. Paulista e Nego Leo bicho, dois doido, cada um no seu canto resolvendo problemas mil e diversos, então fiz ele todo sozinho pra agilizar. Já no caso de “Índio Cocalero”, tá rolando outro processo de composição. Japa veio aqui pra casa um dia, tomamos meia garrafa de Jack Daniel’s e fizemos 14 musicas em 3 horas, tipo isso. Depois fomos fazendo outras músicas individualmente e íamos trocando figurinhas por email. Mundo moderno. Nesse disco novo do Merda tem duas letras em japonês também, que mandava lá pro meu amigo Shigero Sato, ele mandava de volta, uma doidera que não tem cabimento. Também recebemos duas letras do Sandro (Mukeka di Rato) e duas do Fepaschoal, ou seja, eu fiz o ganguinha sozinho porque era preciso mesmo, tá bem mais legal esse processo de composição agora do novo.

Com o lançamento desse disco á planos de uma nova tour internacional?

Essa mesma gravadora que lançou esse EP se empolgou muito com o Merda e nos ofereceu de lançar um LP em Fevereiro. Era sobre esse lançamento que eu estava falando ai em cima, vai se chamar ”Índio Cocalero”. Outros amigos de NY nos convidaram pra uma tour naquela costa ali dos EUA que eu não sei qual é, tipo uns 5 a 7 shows. Estamos pensando na idéia, tanto que, os caras vão tentar o visto. Eu já tenho visto praquele país nojento. Se eles conseguirem o visto, acredito que iremos em Abril. Se não conseguir eu devo ir sozinho só pra buscar os LPs mesmo.

Em breve será lançado um DVD sobre os 15 anos de Laja Records, conte um pouco sobre esse novo projeto, quem vai estar presente no DVD?

Nesse DVD tem um trecho de quase todas as bandas que de uma forma ou de outra participaram da historia da Laja. Algumas bandas têm mais material, outras bandas menos. Acredito que 95% das imagens do DVD são inéditas ou vista apenas pelos amigos das bandas, já que não estão no Youtube, quase todas foram tiradas de VHS, é uma coisa bem nostálgica mesmo, contanto mais ou menos como foram esses 15 anos de Laja Records. Tem também um vídeo institucional da empresa apresentado pelo Gabriel que era do Motosierra que ficou bem em legal.

E quais os próximos lançamentos do selo?

O 7″ do Sugar Kane “Fuck The Emo Kids”,  10″ do Skate Aranha “Evil e Dead”, DVD Mukeka di Rato “Japanese Kanela Verde”, LP Merda “Indio Cocalero”.

Espaço para você falar o que quiser…

Espero ver os rednecks de Campinas no show do Merda, levem Bourbon.

O Merda se apresenta nessa quinta feira (01/12) ao lado da banda local Get Crazy no Bar do Zé em Barão Geraldo, Campinas/SP. Para maiores informações e para conferir a programação completa do Festival Autorock 2011 click aqui!

Good Coffee!