Documentários já produzidos sobre o rock de Campinas/SP

Confira abaixo a lista de alguns documentários independentes já produzidos sobre a cena rock da cidade de Campinas/SP nos últimos anos.

autorock

Autorock – Registro 2009

O documentário de 30 min produzido por Guilherme Angeli e Héctor “Zazá” Vega é um breve registro do que foi a quinta edição do tradicional festival de música independente: “Autorock”. (Saiba mais)

Independência e Rock

Documentário produzido por Gabriella Puzzilli e Mirelli Miranda apresenta algumas vertentes da cena musical independente de Campinas.

Campinas Clama: O que aconteceu com meu rock n´roll?

“Campinas Clama” apesenta o “rock independente de uma cidade provinciana” e  conta com imagens de Rafael Martins entre outros colaboradores.

Rock Campinas – Guitarras e Distorção na terra de Carlos Gomes

Vídeo desenvolvido por alunos da oficina “Como se faz um filme” do Museu de Imagem e Som de Campinas/SP. O documentário na integra nunca foi publicado.

Autorock – Sexta Edição

“Autorock – Sexta Edição” é um registro completo, produzido e dirigido por Artie Oliveira, sobre a edição de 2011 do festival “Autorock”. (Saiba mais)

Rock em Campinas – Anos 80 e 90

O documentário publicado em duas partes é resultado do projeto experimental produzido por Paulo Shetara para o curso de Comunicação Social/Jornalismo da Unip Campinas no ano de 2009.

Punk Roça: Música e Conflito no Interior

O documentário produzido por Bárbara Bretanha, Bruno Henrique Teixeira e Talita Bristotti reúne depoimentos de três gerações de punks da região de Campinas, que falam sobre a articulação do movimento na região e suas particularidades. (Saiba mais)

Good Coffee!

Pré Mostra Curta Audiovisual Campinas 2010

A “AAMISC” (Associação dos Amigos do Museu da Imagem e do Som de Campinas) e o Coletivo Ajuntaê apresentam dia 29/10 (sexta-feira) a “Pré 5° Mostra Curta Audiovisual Campinas 2010” uma incrível festa com exibições de curtas e apresentações musicais.

A festa, parte da programação da Mostra de Curtas de Campinas desse ano tem como objetivo “promover e incentivar a produção audiovisual em Campinas e região através de exibições, oficinas práticas, palestras e mesas de discussão(…)”

Entre as apresentações musicais da noite o destaque vai para banda argentina Falsos Conejos, que passa por Campinas/SP através da Turnê Fora do Eixo – projeto de circulação de artistas do Circuito Fora do Eixo. Será a maior turnê que a rede Fora do Eixo já realizou, com impressionantes 34 datas em 43 dias, passando por dez estados: Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Bahia, Pernambuco, Alagoas, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará e Sergipe.

O trio Falsos Conejos compõe rock experimental e psicodélico desde 2006, com influências de post e math-rock. No ano passado, o show dos Conejos foi eleito um dos dez melhores pela imprensa musical independente de Buenos Aires. Na tour, a banda apresenta “YYY”, disco fresquinho, lançado no início de outubro, através do Compacto REC – projeto mensal de distribuição virtual de músicas, produzido colaborativamente pela Fora do Eixo Discos.

A banda Eletric Mama Loves de Campinas/SP fecha a noite com seu punk rock doidão do jeito que tem que ser feito: musica + atitude.

Tudo isso tem início pontualmente às 19 horas no Centro Cultural Hermínia Sachetta (Av. Achienta, 51) com entrada franca!

Good Coffee!

.Café in Sônia 2010

Depois de merecidas e longas férias nosso querido Café in Sônia está de volta (mais quente que nunca), trazendo como sempre o melhor sobre o cenário independente de Campinas e região.

Exposições, shows, bandas, festivais, quadrinhos, entrevistas, resenhas, lançamentos, vídeos bizarros, imagens bizarras, curtas, documentários e muito mais vão estar em pauta esse ano em nossa coffee mug  virtual.

Esse ano também teremos o esperado lançamento do documentário “Quem Faz o Mundo é a Gente”, primeiro assinado pela Café in Sônia Filmes!

Em breve mais informações sobre esse e outros lançamentos aqui! Aguarde!

É isso, nos vemos!

Good Coffee!

Autorock 2009: Abertura

Teve início na última quinta-feira o Autorock, a quinta edição do festival destinado a cultura independente da cidade de Campinas/SP.

MIS

A festa de abertura aconteceu no Museu de Imagem e Som (MIS) e contou com a exposição coletiva “Emoção Terror“, que reuniu cerca 35 artistas e suas diversas técnicas, desde: anti-arte, colagem dadaísta, passando por arte urbana, fotografia e chegando até a arte digital. O salão de exposição do museu permaneceu  lotado durante toda noite e apresentou aos visitantes trabalhos e de alta qualidade e impacto.

A abertura do festival ainda contou com a exibição do documentário “Re: Board“, produzido e dirigido por Alexandre Sesper Cruz, um filme que conta a trajetória artística do skate no Brasil.

 

A exposição emoção Terror ficará aberta ao publico durante todos os dias do Festival Autorock. Não deixe de prestigiar!

O Museu de Imagem e Som fica no Palácio dos Azulejos
R. Regente Feijó nº 859 Centro – Campinas/SP

 

Good Coffee!